Blogger Widgets Blogger Widgets

terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Grupo de Jovens da Barra Vermelha reúne-se com presidente da ENERBIOS




Neste domingo, dia 02.01.14, a ENERBIOS promoveu uma reunião com o Grupo de Jovens da Comunidade de Barra Vermelha para tratar de dois assuntos importantes, relacionados aos programas ambientais das pequenas hidrelétricas do Vale do Rio dos Patos.

O primeiro foi sobre a cessão em comodato, de três computadores de mesa, desativados pela empresa mas em bom estado, que poderão ser utilizados para o treinamento básico dos jovens e adultos que desejarem dar seus primeiros passos no importante caminho da informática.

O segundo assunto foi o esclarecimento sobre os programas de piscicultura e fruticultura irrigada por gotejamento que a ENERBIOS está propondo aos agricultores da região, utilizando a agua armazenada pelos reservatórios. 

“O objetivo desta ação da ENERBIOS está inserido no programa de formação de mão-de-obra especializada que já deve estar funcionar antes do início das obras. O uso de computadores é fundamental para o pessoal que deve atuar nas atividades de controle ambiental, de apontamento de obras, de segurança no trabalho e de engenharia. Esses computadores estavam disponíveis na empresa devido ao aumento das exigências dos programas de engenharia. Assim, tivemos a ideia de oferece-los por comodato ao grupo de jovens, que irá ainda decidir o que deve ser feito com eles, como serão organizados os treinamentos, já que muitos deles já conhecem o básico o suficiente para treinar os demais. Na próxima reunião, o grupo ficou de dar uma resposta.”, afirmou Ivo Pugnaloni, responsável técnico pelos projetos. 

“Quanto à fruticultura irrigada, foi possível não apenas expor nossa ideia, mas tratar do gargalo que é a comercialização da produção e do papel que os jovens e a internet podem desempenhar. Os jovens nos disseram que vontade todos tem, mas a maior incerteza está na forma de comercializar os produtos, já que os agricultores estão acostumados a tratar apenas com os intermediários dos mercados do fumo, do feijão, do milho e da soja. Nós dissemos a eles que o mercado de frutas e peixes tem crescido muito e que são atividades que não consomem muito tempo, mas precisarão de muito estudo e de muita pesquisa. E que isso tudo ficará muito mais fácil com os computadores e a internet.”

Ao final, os jovens ficaram com mapas, vídeos sobre fruticultura e documentos sobre o projeto.

Uma contribuição importante na reunião veio de D. Rosa, moradora da região e que deu seu testemunho sobre as vantagens da produção e comercialização direta de frutas produzidas sem agrotóxicos na cidade: “Os resultados são bons e eu faço tudo sozinha. Eu não consigo produzir tanto como minha freguesia desejaria e ainda vendo para os mercados”

Um comentário:

  1. A reunião foi muito produtiva. Os jovens participaram com interesse, fizeram perguntas interessantes e deram sugestões. Parabéns a todo o grupo de jovens, vocês são o presente e o futuro de Prudentópolis!!! Dá gosto ver uma galera animada como essa!!! Obrigada a todos.

    ResponderExcluir